domingo, 23 de setembro de 2012

Fomos à DBR...

Tal como prometido o ano passado, voltámos à Douro Bike Race, prova que colocou mais uma vez à prova todas as forças físicas e mentais dos riders participantes neste excelente evento. Fomos dois, os elementos do Por Maus Caminhos - Rui Ventura e Vladimiro Casaleiro - a participar no nível "adventure", constituído por duas etapas, num total de 140 km, com mais de 5000 m de acumulado.
No 1º dia da adventure, com a serra do Alvão como pano de fundo já se adivinhava um dia bastante duro, com 90km para percorrer e 3200 m de acumulado. Subida, subida e mais subida, foi o que fizemos nos perto de 30 km iniciais que deram para aquecer bem as pernas até ao 1º abastecimento. Aqui com a banca bem recheada de frutas, barras, bebidas, bolos e muito boa disposição de todo o STAFF, fomos repondo algumas energias e falando do que ainda estava para vir. 
Alguns dos mais conhecedores do percurso comentavam que o pior ainda estava para chegar. Sempre a tentar dosear bem a cadência para que não fossemos surpreendido pelo cansaço antes do tempo, lá íamos apreciando as paisagens deslumbrantes da magnífica serra do Marão e assim tentar não pensar nos kms que ainda faltavam percorrer.
Feito o 2º abastecimento, aí a situação começou mesmo a piorar, trilhos bastante técnicos com tanta pedra que obrigou a muitos participantes a fazerem descidas à mão e subidas com a bike às costas durante alguns Kms. Várias reparações mecânicas, substituição de câmaras foram uma constante. Dureza, era a palavra mais apregoada por todos, mas BTT é isso mesmo, suor e sacrifício. Nesta altura o cansaço já era mais que notório, algumas cãibras começavam a fazer mossa, isto porque descurámos os alimentos sólidos, comprometendo a restante da prova.
Último abastecimento e foi altura de fazer a pausa mais longa para recuperar forças e repor os alimentos necessários. Muitos eram os que já estavam deitados e sentados pelo chão a considerar a desistência na prova. Mesmo com alguma dificuldade lá continuámos para os últimos 30km apreciando as vistas e falar de alguns pontos de passagem como a ponte de arame, as Fisgas de Ermelo e o famoso Rock Garden que tanto atormentou muitos dos atletas com as suas perigosas rochas.
Finalizado o primeiro dia com um real empeno era hora do merecido descanso com uma boa e fresca cerveja Mahou que por sinal era bem boa para preparar e recuperar para o dia seguinte.
Dia 2 - Serra da Aboboreira, etapa mais curta de 50 km e 2000 m de acumulado, mas mesmo assim muito dura. Etapa muito mais ciclável que a anterior, com paisagens soberbas sobre Amarante e várias descidas fantásticas com bastantes single tracks. O defeito das descidas é que primeiro tem que se subir e neste caso muito.
Mais uma DBR concluída, bastante sofrida, mas com um sorriso bem aberto por ter conseguido terminar sem problemas de maior. Para 2013 talvez a EPIC mas para isso a preparação terá que ser melhorada.
Não posso deixar de mais uma vez dar os parabéns a todo o staff que contribuíram para o sucesso desta prova e fizeram das “tripas coração” para que tudo corresse a 100%. PARABÉNS A TODOS e até 2013.

terça-feira, 18 de setembro de 2012

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Red Bull Rampage...

Top 5 do Red Bull Rampage. Alguns são mesmo "biolentos carago".

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

PMC's na DBR...

A Douro Bike Race que se disputa este fim de semana conta com dois PMC's - O Rui Ventura com o nº 641 e o V. Casaleiro com o nº 643. Vão alinhar na prova Adventure que decorre em dois dias com um total de 140 kms. Esta prova percorre as serras do Alvão (90kms) e da Aboboreira (50kms).
Para semana daremos conta de como foi a sua participação.


sábado, 8 de setembro de 2012

Espectacular...

Este vídeo é espectacular quer pelas paisagens quer pelos locais por onde os freeriders andam.